terça-feira, 21 de agosto de 2012

Concerto de Elomar na Casa dos Carneiros

Por Marcelo Lopes
 
O concerto “Ensaiando o Riachão do Gado Brabo” é um projeto que circunda as mais recentes produções do compositor Elomar Figueira. O Cantador, que nos últimos tempos tem dedicado seu processo criativo a composição de obras de maior porte, traz com este ensaio a oportunidade do público assistir ao trabalho que prenuncia o último disco de Elomar na sua fase de composição de canções.

“Ensaiando o Riachão do Gado Brabo” fará sua estreia dia 1º de Setembro, no Teatro Escola LíricaMineira - Casa dos Carneiros, às 21 horas e seguirá depois uma programação de apresentações por diversas capitais do país. No espetáculo musical, Elomar dividirão palco com o violonista, compositor e maestro, João Omar de Carvalho Mello que apresentará alguns solos do seu novo disco “João Omar interpreta Elomar: Peças para violão Solo”, com trabalhos como Prelúdio nº sexto, uma homenagem ao maestro Villa Lobos, além de Lagoa da Porta, São João Xaxado, Retirada, Trabalhadores na Destoca e Estudo nº único.

Elomar Figueira é um dos artistas brasileiros de maior densidade entre a cultura popular e erudita, bastante influenciado pela tradição ibérica e árabe que a colonização portuguesa levou ao nordeste brasileiro. Sua obra é vasta, composta de canções conhecidas do grande público, como “Arrumação” e “O Pidido”, mas também de óperas, sinfonias, concertos, antífonas, além de roteiros de cinema e romance.

O que: Concerto “Ensaiando o Riachão do Gado Brabo”
Onde: Teatro Escola Lírica Mineira - Casa dos Carneiros
Quando: 1º de Setembro, às 21h
Quanto: R$ 70,00 (ingressos limitados)
Sobre: 77 3421-4881 / atendimentorossane@gmail.com

Um comentário:

  1. Albene Ismar Silveira24 de agosto de 2012 12:14

    Com certeza uma raridade desta, seria de casa lotada em grandes teatros do Brasil. É um privilégio para nós de Conquista, ouvir em primeiríssima mão, o último álbum do Cancioneiro Elomariano interpretado pelo próprio Elomar e o queridíssimo Maestro João Omar. São apenas 130 convites, por isso o privilégio! Já são mais de 20 anos desde o último CD inédito, o "Árias Sertânicas". Degustarei até a última gota de mais esta obra prima do Mestre.

    ResponderExcluir